Connect with us

Hi, what are you looking for?

Esporte

Rayssa Leal luta até o fim e fica com a prata no Mundial de Skate

Brasileira dividiu o pódio com as anfitriãs Yumeka Oda e Momiji Nishiya

Rayssa Leal foi superada no fim da prova
Rayssa Leal foi superada no fim da prova (Foto: Julio Detefon)

A brasileira Rayssa Leal ficou com o vice-campeonato no Mundial de Skate Street, disputado em Tóquio, no Japão. A maranhense de 15 anos dividiu o pódio da final, realizada na madrugada do último domingo (17), com as anfitriãs Yumeka Oda (ouro) e Momiji Nishiya (bronze). Assim, a Fadinha obteve 261.90 na somatória dos pontos da melhor volta e das duas manobras mais bem avaliadas.

Em uma delas, Rayssa recebeu 90.91 de nota e colocou pressão em Yumeka Oda, sua principal adversária. A japonesa, porém, na reta final, conseguiu um 94.80, ultrapassando a brasileira e assegurando o ouro. Por outro lado, a prata em Tóquio encerra uma temporada vitoriosa de Rayssa Leal.

Em março, a maranhense disputou o Mundial de Sharjah, nos Emirados Árabes Unidos, referente a 2022, e ficou com o título. No início de dezembro, em São Paulo, ela foi bicampeã do Super Crown (super coroa, na tradução literal) da Street League Skateboarding (SLS), principal circuito mundial da modalidade.

Já a final masculina do Mundial de Tóquio também foi dominada pelos anfitriões. Dessa forma, os três lugares do pódio foram ocupados pelos japoneses. A vitória foi de Sora Shirai, com Kairi Netsuke ficando com a prata e Yuto Horigome levando o bronze. O paulista Gabryel Aguilar foi o brasileiro que chegou mais longe, parando na semifinal. Porém, na decisão, nenhum atleta do país se classificou.

RAYSSA LEAL PERTO DE PARIS!

O Mundial faz parte da primeira fase de classificação à Olimpíada de Paris, na França. A última competição deste período será a etapa de Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, do circuito da World Skate, federação internacional da modalidade, em março do ano que vem.

Os 44 primeiros do ranking avançam à próxima fase, com limite de seis skatistas por país em cada gênero. Eles terão mais duas etapas para somar pontos: Xangai, na China, em maio; e Budapeste, na Hungria, em junho.

O skate street em Paris terá 44 atletas – 22 no masculino e 22 no feminino. Cada país pode classificar, no máximo, três skatistas no masculino e três no feminino. Entre as mulheres, as brasileiras mais bem colocadas são Rayssa Leal (segunda), Pâmela Rosa (sétima) e Gabi Mazetto (11ª). Entre os homens, os destaques são Kelvin Hoefler (quarto), Giovanni Vianna (décimo) e Felipe Gustavo (19º).

(Agência Brasil)

Advertisement

Recomendas

Música

Festival promete agitar o Villa Lobos com um line-up incrível

Famosos

A atriz pornô Stormy Daniels já fez mais de 100 filmes

Curiosidades

Bilionários como dono do Facebook investem em bunkers para se proteger de apocalipse

Esporte

Palmeiras derrotado pelo Atlético Paranaense em Barueri

Últimas

Esporte

Um novo amanhecer de glória para o Esporte Clube Bahia

Tudo Sobre

O talento de Bruno Mars, inspirado no deus Marte

Música

Datas de shows de Bruno Mars causam confusão e viram caso de polícia

Netflix

As complexidades da vida em "Limites", um filme que vai além do convencional!

Esporte

Tite e Flamengo estão muito próximos de um vexame histórico

Especial para você

Esporte

Skatista se juntou a Filipe Toledo na briga pelo tão sonhado troféu

Esporte

Principal nome da modalidade opinou a respeito da decisão

Esporte

Atletas e a CBSk haviam se posicionado contra a decisão, mas não adiantou

Esporte

Número um do mundo vai definir o futuro da carreira em breve

Esporte

Atletas buscam os últimos lugares na delegação que vai defender o país

Famosos

Skatista profissional ousou nas fotos e recebeu elogios dos seguidores

Esporte

Ginasta deu detalhes sobre o período difícil quando era criança

Esporte

Jogadora de vôlei é fã da banda e aproveitou todos os momentos da festa

Advertisement