Connect with us

Hi, what are you looking for?

Cinema

“Cinema não será mais como antes”, afirma ex-CEO da Disney

Bob Iger afirma que o negócio não voltará ao mesmo nível pré pandemia

Grupo Disney já tem quase todo o seu conteúdo disponível em streaming (Divulgação)
Grupo Disney já tem quase todo o seu conteúdo disponível em streaming (Divulgação)

Bob Iger reiterou que o negócio de cinemas provavelmente nunca retornará ao mesmo nível que era antes da pandemia. Contudo, ainda segundo ele, isso não significa a morte do negócio.

Em uma entrevista durante o Code Conference, o ex-CEO da Disney comentou como a pandemia de COVID-19 deixou profundas cicatrizes na indústria do cinema, e como a indústria cinematográfica e o publico mudou desde então.

Advertisement. Scroll to continue reading.

“Os consumidores aprenderam à medida que se sentiram mais confortáveis ​​com a interface do usuário e a televisão por assinatura e basicamente a televisão baseada em aplicativos, aprenderam a procurar e encontrar programas de que gostam e aprenderam a apreciá-los. Eles adoram a flexibilidade que isso lhes dá em uma perspectiva de tempo”.

“Ele substitui ir ao cinema. Isso não significa que o filme vai embora. Eu sou um grande crente em filmes. Eu amo grandes filmes. Eu gosto de ir ao cinema e assistir era basicamente uma experiência comum com muitas outras pessoas saindo daquela casa. Isso não vai embora, mas não volta para onde estava”

Advertisement. Scroll to continue reading.

Iger lembrou que já comentou no passado que seria impossível haver algo que poderia causar um grande impacto na cultura do cinema, algo que muitos outros pensavam da mesma forma. Agora, ele discorda dessa afirmação, e disse: “…era um argumento do velho mundo e não estava enraizado na realidade”.

Iger também elogiou o Disney+ e a Netflix por introduzir anúncios em suas ofertas de streaming e acrescentou que esses modelos poderiam prosperar, com o público disposto a tolerar interrupções com comerciais em troca de taxas mais baratas.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Ele também fez uma previsão ousada ao dizer que acha improvável que todos os serviços de streaming ativos hoje sobrevivam.

“Eu não acho que todos os streamers são criados iguais. Não acredito que todos os streamers que estão nele hoje sobreviverão. Haverá quem tem e quem não tem. Não vou fazer previsões sobre os outros, mas acho que eles têm mãos difíceis e é preciso muito capital para estar nesse negócio. Então eu não acho que todos eles vão conseguir”.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Recomendadas

Atualidades

Restaurante Akan aposta numa mistura equilibrada e criativa

Famosos

Atriz contou detalhes do ocorrido nos bastidores da emissora

Música

"Future Past Tour" pretende focar nos álbuns "Somewhere in Time", "Senjutsu" e em clássicos da carreira

Música

Festival e Minas ainda tem Matuê, Pixote, Dennis e mais atrações no dia 15 de outubro

Famosos

Atriz abriu o jogo durante participação no podcast Pod Delas

Famosos

Cantora atraiu holofotes com vestido azul colado e esbanjou simpatia

Especial para você

Cinema

Filme traz atriz preta como protagonista e recebe elogios da crítica

Música

"BTS: Permissão Para Dançar no Palco - LA" estreia hoje (8)

Cinema

Live-action do clássico estreia dia 8 de setembro na plataforma Disney+

Cinema

Sequência ganha primeiro pôster e teaser oficial

Famosos

A eterna rainha dos baixinhos vai participar de uma produção da Disney+

Cinema

Em julgamento Johnny Depp revela que nunca assistiu filmes de “Piratas do Caribe”

Televisão

Giovanna Ewbank faz sua reestreia como atriz em série da Disney

Netflix

Séries como 'Daredevil', 'Jessica Jones' e 'Defenders' estarão disponiveis na Disney+

Advertisement