Connect with us

Hi, what are you looking for?

Mundo

Eleições na Geórgia definem controle do Senado norte-americano

eleicoes-na-georgia-definem-controle-do-senado-norte-americano

Eleitores da Geórgia definem nesta terça-feira (5), em segundo turno, duas vagas que faltam ser preenchidas no Senado norte-americano. Enfrentam-se dois candidatos democratas e dois republicanos, sendo que o Partido Democrata não elege senadores na Geórgia há 20 anos. Já ao Partido Republicano precisa garantir a eleição de ao menos um senador para assegurar a maioria no Senado.

Pelo Partido Democrata concorrem Jon Ossof e Raphael Warnock. Já pelo partido Republicano disputam as vagas Kelly Loeffler e David Perdue.

O segundo turno ocorre porque nenhum dos candidatos ao Senado alcançou mais de 50% dos votos na eleição de novembro. As regras eleitorais no estado da Geórgia estabelecem que o candidato deve ultrapassar essa margem para ser eleito.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Os republicanos partem para esta corrida com alguma vantagem simbólica, uma vez que precisam apenas garantir a eleição de um senador para assegurar a maioria no Senado. Para além disso, o estado da Geórgia é tendencialmente republicano e há 20 anos não elege nenhum candidato democrata para o cargo de senador.

Já os democratas precisam vencer os dois lugares em jogo para ter maioria do Senado. Se os democratas vencerem, o partido passa a controlar as duas câmaras do Congresso, além da Casa Branca, com Joe Biden.

A votação na Geórgia ocorre nesta terça-feira a partir das 7h (9h em Brasília) e termina às 19h (21h em Brasília). 

Advertisement. Scroll to continue reading.

Até agora, antes do resultado das eleições de hoje, os republicanos contam com 52 das 100 vagas do Senado. Se dois destes lugares forem conquistados pelo Partido Democrata, ambos os partidos ficam empatados com 50 senadores, mas os democratas conseguem a maioria com recurso ao voto da vice-presidente eleita Kamala Harris.

O controle no Senado deixaria à futura administração democrata mais margem de manobra para a aprovação de legislação em questões centrais como saúde e meio ambiente, que têm geralmente forte oposição dos republicanos. Para além disso, o controle do Senado seria decisivo na aprovação dos políticos e dos cargos judiciais designados por Joe Biden.

*Com informações da agência de notícias portuguesa RTP

Advertisement. Scroll to continue reading.
Written By

Você também vai gostar disso

Atualidades

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, escreveu carta para Jair Bolsonaro, sugerindo acordo de cooperação entre os dois países

Famosos

O cantor americano Lenny Kravitz posou sem camisa nas redes sociais e impressionou os fãs com sua boa forma

Famosos

A diva pop Lady Gaga está em campanha para tentar recuperar seus buldogues franceses de estimação Koji e Gustav, que foram roubados em Hollywood,...

Cinema

Jennifer Garner e Mark Ruffalo estão trabalhando juntos em um novo projeto no Canadá O filme “De Repente 30” fez enorme sucesso em todo...

Famosos

A socialite mundialmente conhecida Kim Kardashian deu entrada nos papéis de divórcio do marido, o rapper Kanye West. Kim e Kanye são casados desde...

Famosos

A cantora Britney Spears está no foco da mídia após o lançamento de um documentário sobre sua vida chamado “Framing Britney Spears”, que mostra...

Atualidades

Jovem viu destino mudar após corrente do bem integrada por Regina Casé, Taís Araújo e Ivete Sangalo Foi enquanto aguardava em fila, para receber...

Atualidades

A apresentadora Ana Maria Braga não se conteve e deu uma opinião ao vivo durante o programa Mais Você sobre a saída de Donald...

Advertisement

Copyright © 2021 TudoPop.