Connect with us

Hi, what are you looking for?

Famosos

Giovanna Antonelli relembra algumas personagens que marcaram sua carreira

giovanna-antonelli-relembra-algumas-personagens-que-marcaram-sua-carreira

Se 2015 foi um ano glorioso para Giovanna Antonelli, 2016 não vai ficar atrás. A atriz completa 25 anos de carreira e, hoje, 18 de março, comemora 40 anos de vida

Para festejar as datas, Giovanna Antonelli topou relembrar algumas personagens que marcaram sua carreira. Como a deusa Atena, de A Regra Do Jogo. “Reencontrar com o João Emanuel Carneiro, foi um presente! Ser dirigida, também, pela Amora Mautner que é uma inspiração pra mim em todos os sentidos. Outro presente! Trabalhar com Alexandre Nero e Tonico Pereira. Duplo presente! E Atena e suas facetas… Imagina como me diverti. Um personagem que me tirou da zona de conforto e já estou saudosa disso tudo”, conta a musa, que estrelará Arigatô Amore Mio, próxima trama das 6, prevista para estrear em setembro!
 
Tropicaliente (1994 – Globo)
“Foi o início da minha incursão em novelas. Um personagem do tamanho que deveria ser. Pra que eu pudesse observar tudo e todos. Absorver e aprender. Hoje, 22anos depois, estou reencontrando o Walter negrão em sua próxima novela. Isso tem um grande significado de alegria pra mim.”
Tocaia Grande (1995 – Manchete)
“Uma escola. Uma prazer trabalhar com o mestre generoso Régis Cardoso. Uma bela chance de mostrar o meu trabalho.”
Xica da Silva (1996 – Manchete)
“Trabalho que exigiu muito, começando pelo diretor Walter Avancinni. Bem exigente.  Mas que trouxe a todos uma disciplina e respeito pela profissão. Uma aula, quase uma prova de resistência (risos), que todo jovem ator deveria ter a chance de experimentar. “
Corpo Dourado (1998 – Globo)
“Foi um trabalho delicioso minha volta pra TV Globo em 1997. Vai tempo… “
Força de um Desejo (1999 – Globo)
“Uma participação de 20 capítulos. Rápida, mas um prazer estar perto de Malu Mader e Louise Cardoso.”
Malhação (1999 – Globo)
“Foi mais uma oportunidade numa passagem rápida. Logo depois indo para Laços de Família.”
Laços de Família (2000 – Globo)
“Essa foi um divisor de águas na minha carreira. Agradeço eternamente ao Ricardo Waddington por ter me levado e ao querido Manoel Carlos. Com toda sua delicadeza e profundidade.”
O Clone (2001 – Globo)
“Foi um trabalho exato. Muito estudo e dedicação. Gloria Perez e toda sua profundidade. Uma grande oportunidade. Uma grande obra. Grandes atores. Um trabalho de alma.”
A Casa das Sete Mulheres (2003 – Globo)
“Considero o mais difícil e sofrido da minha carreira. Desgaste físico e emocional. Tenho um pouco de trauma deste trabalho (risos). O bom é que tudo passa… Mas o resultado foi belíssimo.”
Da Cor do Pecado (2004 – Globo)
“Foi um sonho. Novela do João Emanuel Carneiro, com meu parceiro do coração Gianecchini. Minha primeira vilã, tinha esse sonho como atriz. Me diverti horrivelmente. Foi um trabalho muito feliz de elenco, equipe e direção. Esse deixou saudade.”
Amazônia (2007 – Globo)
“Foi muito poética essa personagem. Profunda. Marcos Schechtman foi um diretor muito importante pra mim. Uma pessoa que adoro e respeito. Mais uma história criada pela Glória e toda sua genialidade.”
Sete Pecados (2007 – Globo)
“Foi um trabalho leve. Direção do amado Jorge Fernando. Texto do Walcyr Carrasco que é sempre um prazer. Elenco delicioso. Eu e Giane outra vez.  Meu super parceiro. Mais uma personagem com uma tinta diferente.”
Três Irmãs (2008 – Globo)
“Um dos que mais curti fazer. A alma era muito doida. Primeiro personagem de comédia depois de Tantas heroínas. Sou apaixonada pelo Dennis Carvalho. Sonho trabalhar com ele de novo. Foi onde conheci a Amora Mautner e começou minha admiração.”
Viver a Vida (2009 – Globo)
“Foi lindo. Reencontro com Maneco. Meu núcleo foi muito especial. A Clarinha e o Mario Paz. Fizemos um trio parada dura ali. Conheci meu marido (o diretor Leonardo Nogueira)… Engravidei das gêmeas (Antônia e Sofia). Nossa!!! Foi o trabalho mais especial, sem dúvida.”
Aquele Beijo (2011 – Globo)
“Amo o Miguel Falabella. Sua inteligência. Seus textos. Foi o máximo fazer a Claudia. Uma mulher tão atual e real. Junto com Ricardo Pereira. Portuga parceiro. Amigo. Cininha de Paula  no comando e outros diretores tão queridos.”
Salve Jorge (2012 – Globo)
“Era apaixonada em interpretar a delegada. Minha parceria com Nero foi incrível. Vestimos as camisas e partimos pra dentro. Sem medo, foi demais. Divertido. Um trabalho que ficou no coração.”
Em Família (2014 – Globo)
“Foi uma grande oportunidade de fazer o novo.  Tainá Müller foi uma grande parceira. Conquistamos juntas aquela história de amor. Foi um trabalho Com uma delicadeza enorme. Uma equipe deliciosa de trabalhar.”

Você também vai gostar disso

Televisão

A jornalista Poliana Abritta, que apresenta o Fantástico, compartilhou um desabafo após a morte do seu pai, José Martins Ferreira, que morrei de leucemia...

Famosos

A estudante de moda Sasha Meneghel casou com o cantor João Figueiredo, com quem namorava desde abril de 2019. O casal ficou noivo em fevereiro...

Famosos

A jornalista, que atualmente comanda um programa na TV Band, vai ganhar também um programa na BandFM e está de mudança para São Paulo

Famosos

Influenciadora revelou em um vídeo publicado nas redes sociais que vai tentar refazer o casamento com Arthur Aguiar

Famosos

Ex-mulher de Carlos Alberto de Nóbrega revelou que a depressão é uma luta silenciosa e muitas vezes incompreendida por quem não sofre

Famosos

O marido da atriz Glória Pires recebeu alta de hospital onde se internou para tratar da covid em Brasília.

Famosos

Marina Ruy Barbosa desembarcou em São Paulo com um disfarce, após voltar de viagem ao exterior com o novo affair Guilherme Mussi.

Famosos

O ator Tony Ramos recebeu a primeira dose da vacina contra a covid neste sábado (27) em um posto de vacinação no Rio de...

Advertisement