Connect with us

Hi, what are you looking for?

Atualidades

Anvisa certifica farmacêutica chinesa que desenvolveu CoronaVac

anvisa-certifica-farmaceutica-chinesa-que-desenvolveu-coronavac

A Sinovac, fábrica que desenvolveu a vacina CoronaVac contra o novo coronavírus, em parceria com o Instituto Butantan, de São Paulo, recebeu a certificação de boas práticas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A resolução foi publicada pela Anvisa nesta segunda-feira (21) no Diário Oficial da União, tem validade de dois anos e diz respeito à linha de produção do Insumo Farmacêutico Ativo (IFA) – matéria-prima para a produção do imunizante e de produtos estéreis usados na formulação.

Advertisement. Scroll to continue reading.

“A etapa finalizada é um dos pré-requisitos para a continuidade do processo de registro da vacina da Sinovac e de um eventual pedido de autorização”, ressaltou a agência, em nota divulgada na noite de ontem. O pedido de registro, no entanto, depende da divulgação de resultados sobre a eficácia da vacina pelo Butantan, o que deve ocorrer amanhã (23), segundo a agência.

Histórico

A certificação da farmacêutica chinesa foi dada a cerca de 10 dias antes do prazo previsto inicialmente. Antes de conceder o documento, uma equipe de técnicos da agência foi a Pequim, na China, fazer inspeção em uma fábrica da Sinovac para avaliar a qualidade da linha de produção. Após a visita , que ocorreu entre os dias 30 de novembro e 4 de dezembro, foi encaminhado um relatório à Sinovac e ao Instituto Butantan com as conclusões.

Advertisement. Scroll to continue reading.

“O plano de ação foi enviado pelo Instituto Butantan para a Anvisa na última quarta-feira (16). Já a avaliação técnica da equipe inspetora e a revisão técnica foram realizadas e concluídas no final desta semana. Assim, foram antecipados em cerca de 10 dias da previsão inicial a publicação da decisão sobre a certificação”, informou a Anvisa.

Oxford

Na mesma viagem à China, os técnicos da Anvisa também inspecionaram a fábrica que produzirá a matéria-prima que será enviada ao Brasil para a produção da vacina de Oxford/AstraZeneca, pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Nesse caso, a certificação deve sair até o início de janeiro, segundo a agência.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Recomendadas

Famosos

Atriz se filma em frente ao espelho e arrasa com "bumbum na nuca"

Séries

Conheça as séries de herói que estrearam na plataforma

Televisão

Luciano Huck mostrou lembrança no "Domingão" e emocionou a amiga

Famosos

Influenciadora deixou seguidores babando com sua beleza nesta sexta (4)

Música

Brasileira está indicada no maior prêmio da música mundial na categoria "Artista Revelação"

Big Brother Brasil

Sister deixou escapar em conversa dentro da casa o affair com o cantor

Especial para você

Saúde

Ter uma pele saudável e jovem pode ajudar as pessoas a se sentirem melhor consigo mesmas e mais confiantes em sua aparência.

Atualidades

Como retomar a rotina de alimentação saudável pós fim de ano e férias?

Famosos

Cantora surpreendeu público de show que a apoiou e aplaudiu

Atualidades

Segundo especialista em Medicina do Sono, noites bem dormidas estão diretamente relacionadas a produtividade no trabalho e na vida pessoal

Saúde

87% dos brasileiros afirmam já terem sentido ansiedade ou pressão sexual

Saúde

Qualidade do sono, além de outros fatores, são fundamentais para a saúde capilar

Atualidades

Buddha Spa implementa terapia na rede e possibilita a adoção do novo protocolo utilização nacional e internacionalmente

Saúde

Esteticista dermaticista explica medidas e tratamentos ideais

Advertisement