famosos   / Na Europa

Tássia Camargo afirma que deixou Brasil por 'não suportar o fascismo'

Atriz está morando em Lisboa desde 2017

Bruno Silva Publicado quarta 10 julho, 2019

Atriz está morando em Lisboa desde 2017
Tássia Camargo: mudança para Portugal e críticas ao governo do Brasil - Reprodução Instagram

A atriz Tássia Camargo marcou época trabalhando em várias novelas clássicas no Brasil, como Tieta entre outras. A estrela chegou a ser capa da revista Playboy em uma época em que isso significava ser a mulher mais desejada do Brasil naquele momento.

Tássia está morando desde de 2017 em Lisboa, onde foi construir nova vida e está trabalhando ainda na área das artes. A atriz está no ar no momento na novela 'valor da Vida' que está sendo exibida na TV Portuguesa.

Em entrevista ao site Fama ao Minuto a atriz contou da felicidade do novo trabalho após um ano sabático. Tássia também falou de política, onde fez duras críticas ao governo Bolsonaro, e explicou que fatores políticos também pesaram muito na sua decisão de mudar de país.

"Saí do meu país chamado Brasil não apenas pela tranquilidade. Saí por não suportar mais o fascismo, sem generalizar. A esperança é a última a morrer, mas penso que com este retrocesso do atual governo desgovernado, levará mais de 30 anos para algo melhorar. Brasil este que, infelizmente, algumas pessoas acreditam ainda que o ex-presidente Lula não é um preso político. Achar que apenas um partido é corrupto é hipocrisia. A corrupção existe em qualquer país, sob qualquer forma de governo, historicamente é muito antiga, recorrente. Pensar que a corrupção acabaria se eliminar alguns partidos não contribui para que sejam colocadas rédeas, a fim de possibilitar um resgate. Precisamos, mais do que nunca, de nos informar, ler bons livros, termos conhecimento para nos posicionar. O mundo  sabe que a Lava Jato é claramente vista como farsa, menos neste Brasil que baixa a cabeça para os americanos. Sou realista", afirmou a atriz.

Último acesso: 25 Feb 2020 - 08:52:37 (1050382).