Morre cineasta do histórico sucesso Romeu e Julieta

Zefirelli foi responsável por adaptação de diversas obras de Shakespeare

Bruno Silva Publicado sábado 15 junho, 2019

Zefirelli foi responsável por adaptação de diversas obras de Shakespeare
O clássico Romeu e Julieta de Zefirelli - Reprodução

O mundo do cinema está de luto. Todos os cinéfilos e adoradores do cinema lamentam a morte de um dos maiores gênios da sétima arte. Morreu neste sábado, 15, aos 96 anos, em sua casa em Roma o diretor italiano Franco Zeffirelli. O diretor morreu em decorrência “de uma longa doença que se agravou nos últimos meses”, anunciou a imprensa italiana, citando fontes da família.

O prefeito de Florença - cidade natal do cineasta - Dario Nardella lamentou a perda e escreveu em uma rede social:

"Jamais quis que esse dia chegasse. Franco Zeffirelli partiu esta manhã. Um dos maiores homens da cultura mundial. Nós nos unimos na dor de seus entes queridos. Adeus, querido Mestre, Florença nunca te esquecerá”.

O obra e o legado deixados por Franco Zeffirelli é daquelas que transcende o tempo. Zeffirelli é o dono da mais clássica e celebrada adaptação para o cinema da história de  Romeu e Julieta, uma das principais obras de Shakespeare, de quem também emprestou Hamlet (1992, estrelado por Mel Gibson e Glenn Close) e A Megera Domada (1967, com Elizabeth Taylor e Richard Burton), uma lealdade que lhe valeu em 2004 o título de “Sir” na Inglaterra.

Além do cinema, Zeffirelli também dirigiu mais de trinta peças de teatro e óperas.

O diretor também teve uma carreira política, tendo sido eleito senador (1994 a 1996 e 1996 a 2001) por Catânia, filiado ao partido Força Itália.

Último acesso: 20 Jan 2020 - 05:00:05 (1049908).