Inédito: Supertelescópio registra nascimento de planeta

Cientistas acompanhavam estrela que fica a 520 anos luz da Terra

Bruno Silva Publicado quinta 21 maio, 2020

Cientistas acompanhavam estrela que fica a 520 anos luz da Terra
Cientistas do Observatório de Paris registraram nascimento de novo planeta - Divulgação
Gostou dessa? Clica aqui

Cientistas do Observatório de Paris anunciaram o que pode ter sido o testemunho do nascimento de um planeta. Ao monitorarem uma jovem estrela chamada AB Aurigae, que fica a 520 anos-luz da Terra, os cientistas notaram um denso disco de poeira e gás girando em torno dela. O registro foi feito com um "Very Large Telescope" do Observatório Europeu do Sul (VLT) no Chile.

No fundo desse disco de poeira e gás, eles encontraram uma estrutura em espiral com uma "torção" perto do centro, o que identificam como um sinal de um novo planeta sendo formado. A imagem foi capturada graças à tecnologia e potência do maior megatelescópio do mundo que fica no deserto do Atacama, no Chile, e pertence ao Oservatório Europeu Sul.

Novo planeta
Registro do nascimento de um novo planeta pelo megatelescópio (Foto: Divulgação ESO/Boccaletti et al.)

"Milhares de exoplanetas foram identificados até agora, mas pouco se sabe sobre como eles se formam. Precisamos observar sistemas muito jovens para realmente capturar o momento de quando planetas se formam", declarou Anthony Boccaletti, que liderou o estudo no Observatório de Paris, na França.

Último acesso: 06 Jun 2020 - 10:50:41 (1052180).